Louis Garrel interpreta o cineasta vanguardista, Jean-Luc Godard, em “Redoutable” e Chloe Grace Moretz interpreta Susannah Cahalan, uma jornalista do New York Post, em “Brain On Fire”

São dois filmes dramáticos e igualmente biográficos, mas com enfoques diferentes.

“Redoutable” é dirigido por Michel Hazanavicius, baseado na autobiografia de Anne Wiazemskye retrata o romance vivido entre a autora e o cineasta durante os filmagens de “A Chinesa”, filme de 1967 dirigido por Godard e estrelado pela própria Anne Wiazemsky, que eventualmente se casaram e trabalharam em mais dois filmes juntos,  “Week-End à Francesa”, também de 1967, e “Sympathy For The Devil, de 1968. Eles se divorciaram em 1979.

O filme é estralado por Louis Garrel, no papel de Godard, e Stacy Martin no papel de Anne Wiazemsky. O filme ainda não tem data de lançamento ainda, mas provavelmente estará no próxima edição de Cannes.


 

“Brain on Fire” é dirigido por Gerard Barrett, baseado no livro autobiográfico de Sussanah Cahalansobre a luta da autora, uma jovem jornalista em ascensão, que tenta sobreviver  à loucura. A produção será estrelada por Chloë Grace Moretz, Jenny Slate, Richard Armitage e Thomas Mann.

Aqui está a sinopse oficial:

A trama segue Susannah Cahalan (Chloë Grace Moretz), um jornalista em ascensão no New York Post, que misteriosamente começa a ter convulsões e ouvir vozes. Semanas se passam e Susannah sucumbe rapidamente à loucura e, inexplicavelmente, vai da extrema violência à catatonia, um condição psicológica de extrema passividade e negativismo. Após uma série de diagnósticos equivocados e uma hospitalização prolongada, ela tem a sorte de encontrar um médico finalmente lhe dá um diagnóstico e um esperança de reconstruir sua vida.

“Brain On Fire” será exibido no Festival Internacional de Toronto, mas ainda está sem data oficial de lançamento.