“Moonlight” é um drama de 2016, dirigido e escrito por Barry Jenkins, baseado na peça “In Moonlight Black Boys Look Blue” de Tarell Alvin McCraney. O filme é estrelado Trevante Rhodes, Naomie Harris, Andre Holland, e Mahershala Ali.

moonlight-tryptch-barry-jenkins-poster.jpg

Passaram-se oito anos desde que Barry Jenkins fez sua estreia como diretor, com o filme “Medicine for Melancholy”, que retrata o relacionamento de 24h entre dois jovens de San Francisco que precisam que lidar com as dificuldades de serem minoria em uma região da cidade que está em crescente gentrificação.


Gentrificação (do inglês gentrification) é um fenômeno que afeta uma região pela alteração da dinâmica do local, com novos pontos comerciais ou novos edifícios, valorizando a região e afetando a população de baixa renda local. Tal valorização é seguida de um aumento de custos de bens e serviços, dificultando a permanência de antigos moradores de renda insuficiente para sua manutenção no local cuja realidade foi alterada.


Em sua volta, com “Moonlight”, o diretor também vem com um tom sério por trás da narrativa, novamente envolvendo minorias em sua produção: negros e gays. A película foi produzida pela A24, Pastel Productions e pela Plan B Entertainment, que é a produtora do Brad Pitt.

Estrelado por Naomie Harris, Andre Holland, Mahershala Ali, Janelle Monae, Ashton Sanders, Trevante Rhodes, e Jharrel Jerome, “Moonlight” acompanha a comovente história de luta do jovem Chiron, que tenta se encontrar. Uma narrativa é dividida em três partes: infância, adolescência e vida adulta do jovem que sobrevive em Miami, onde ele experimenta o êxtase, a beleza e a dor do amor, enquanto a abraça sua própria sexualidade. O material parece potente e o trailer sugere uma abordagem íntima e elegante, dessa história.

“Moonlight” será exibido no Toronto International Film Festival e New York Film Festival e entra em cartaz em Nova York e Los Angeles no dia 21 de outubro.